sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Votos.



Que 2011 seja melhor pra todos!!!!

Desejo muita saúde e paz, e que Deus cuide de nós.

Além de todo aquele blá blá tradicional.

Obrigado pela companhia!

Retrospectiva 2012.

Finalmente 2012 acabou! E sobrevivi! Se bem que isso é meio relativo, na China e em outros lugares ainda não acabou. Então, teoricamente, não há muito o que comemorar. Mas vamos no embalo, e tentemos mudar as coisas que não foram mudadas em 2012.

Pra mim, o ano termina mais ou menos como começou: solitário. Confesso que o fim do ano, especialmente o mês de Novembro foi muito bom, mas sinceramente, se pra reviver o excelente Novembro eu tivesse que reviver todo ano, eu desistiria.

Enfim, a vida é assim mesmo, e cabe a nós mantermos o passo, né não?

Pensei em fazer uma retrospectiva dos posts mais interessantes, separei um por mês, então aqui vai:

Janeiro: Sem post, mas foi o mês que fez com que esse blog fosse criado no fim de fevereiro, explico na data oportuna.
Fevereiro: Onde tudo começou
Março: Uma questão de segurança
Abril: Porque eu estava assim, sem rumo
Maio: Uma questão de opinião
Junho: Saudade
Julho: Sobre os sentimentos
Agosto: Prazer Vítor S.E. Palmeiras
Setembro: Afinal, todo fim de ano é hora de planejar
Outubro: Esse é o meu país, meu Brasil
Novembro: Um cartão que talvez mudaria o destino
Dezembro: Porque é a música do fim do ano

É isso aí pessoal.

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

em algum lugar.


' Tudo que sabemos a respeito do amor é inacabado. A cada pretensa linha de chegada, o nosso entendimento se depara com uma nova linha de partida. A cada porta atravessada, encontramos mais à frente uma outra para ser aberta. Fonte inesgotável de vida, o amor é um caminho que clareia, progressivamente, à medida em que o percorremos. É como se cada passo nosso descortinasse um pouco mais da sua luz. A jornada é feita de dádivas e alegrias, mas também de imprevistos, embaraços, inabilidades, lições de toda espécie. De vez em quando tropeçamos nos trechos mais acidentados. Depois levantamos e prosseguimos: o chamado do amor é irrecusável para a alma.

Desistir dele para ela, é como desistir de respirar. '

[Ana Jácomo]

Meu bem querer, ainda não é a hora de desistir,
em algum lugar há amor guardado pra nós.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Vitória


Sim, você venceu.

Desisto de lutar sozinho por esse amor.

sábado, 25 de dezembro de 2010

Música do Dia

video

Amor e o Tempo

Nashville

Menina bem que a gente tentou sermos adultos pra poder falar de amor como num filme la em Hollywod bem que a gente quis, fazer um par romântico com final feliz
Eu já falei ate pro meu coração que esse caso pode ser ilusão, era só papo de escola, um lance sério assim não rola, que a gente esqueceria numa só estação

Eu sei q o tempo vai passar e a nossa historia refazer, temos a vida pra sonhar deixar o amor acontecer(bis)

Mas se o meu destino for você a gente ainda se ver, e se o amor nos esperar a gente ainda vai se amar(bis)

Eu sei q o tempo vai passar e a nossa historia refazer, temos a vida pra sonhar deixar o amor acontecer(bis)

Mas se o meu destino for você a gente ainda se ver, e se o amor nos esperar a gente ainda vai se amar(bis)

A gente ainda se ver
A gente ainda vai se amar(bis)

Música Natalina do Dia

Sério! Não deixe de ouvir e ver!



Santa Claus Is Coming To Town

Jackson Five

Santa Claus is comin' to town.
Santa Claus is comin' to town.

You better watch out.
You better not cry.
You better not pout.
I'm tellin' you why:

Santa Claus is comin' to town.
Santa Claus is comin' to town.
Santa Claus is comin' to town.

He's makin' a list.
And checkin' it twice.
Gonna find out who's naughty and nice.

Santa Claus is comin' to town. Whoa, yeah!
Santa Claus is comin' to town.
Santa Claus is comin' to town.

He sees you when you're sleepin'.
He knows when you're awake.
He know if you've been bad or good.
So be good for goodness sake.

Oh, you better watch out.
You better not cry.
You better not pout.
I'm tellin' you why:

Oh, Santa Claus is comin' to town. Whoa, yeah!
Santa Claus is comin' to town.
Santa Claus is comin' to town.

Ooh, ooh
Ooh, ooh
Ooh, ooh

Santa Claus is comin' to town.
Santa Claus is comin' to town.
Santa Claus is comin' to town.

With little tin horns.
And little toy drums.
Rooty toot toots.
And runny tum tums.

And curly head dolls.
That cuddle and coo.
Elephants, boats.
And kiddy cars too.

Oh, Santa Claus is comin' to town. Whoa, Yeah!
Santa Claus is comin' to town.
Santa Claus is comin' to town.

One more time, now:

Santa Claus is comin' to town. Whoa, yeah!
Santa Claus is comin' to town.
Santa Claus is comin' to town.

You better not pout.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Então é Natal...


Já é quase Natal hein?!?! Já compraram os presentes? Já estão quase se reunindo com as famílias?

Pois é... eu nunca fui um grande intusiasta do Natal. Minha família e pequena e não tem o costume de promover uma farta ceia natalina. Nos últimos anos passei o Natal com Ela e a família dEla, que até certo ponto era também minha família. Era legal, eu finalmente tinha um "natal em família".

Esse ano chamei minha mãe pra jantar fora, estava tudo esquematizado. Cheguei em casa por volta das 20 horas e esqueci de comprar o presente da minha vó que mora em outra cidade e vamos visitá-la no Domingo. Minha mãe, por causa disso não vai sair mais. Eu vou. Chateado mais vou. Chantagem e nhe nhe nhe não é comigo. Não me pega.

Tô com o coração em frangalhos. Cada um pra um canto diferente. Longe das pessoas que eu amo.Ainda bem que daqui 7 dias, 2012 acabará.

A propósito: Feliz Natal!

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Música do Dia

Não deixe de ouvir e ver:



Flor de Lis
Composição: Djavan

Valei-me Deus, é o fim do nosso amor
Perdoa por favor, eu sei que o erro aconteceu
Mas não sei o que fez tudo mudar de vez
Onde foi que eu errei
Eu só sei que amei, que amei, que amei, que amei
Será, talvez, que minha ilusão
Foi dar meu coração com toda força
Pra essa moça me fazer feliz
E o destino não quis
Me ver como raiz de uma flor de lis
E foi assim que eu vi nosso amor na poeira, poeira
Morto na beleza fria de Maria
E o meu jardim da vida ressecou, morreu
Do pé que brotou Maria
Nem margarida nasceu

dEla

Mal ou bem eu gosto de estar na companhia dEla. Sim Ela mesma, em pessoa, carne e osso. A rainha da beleza, a minha musa inspiradora, o meu amor.

Muito embora, como apenas "amigos" eu não resisto aos olhos cor de mel, a pele deliciosamente morena, o sorriso perfeito, e a voz que foi feita pra falar comigo.

Ah! Nessas horas eu trocaria qualquer bola de cristal e/ou leitor de mentes por um visualizador de sentimentos. Muito embora eu acho que sei a resposta, gostaria de saber o que Ela sente quando está do meu lado, agora como "amigos", do outro lado da mesa.

Queria saber se ela sente uma vontade insana, quase sem controle, de fazer com que nossos lábios se encontrem mais uma vez. De deitar no meu ombro e receber o carinho, que Ela sabe muito bem que eu sei dar. Das mordidas as vezes sapecas, as vezes lascivas. Algo inexplicável.

Disse e repito: http://www.youtube.com/watch?v=5MvsyNSk20Q

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Piada do dia.

Tava lembrando dessa piada aqui hoje e rindo sozinho, resolvi compartilhar:

Durante escavações no estado de São Paulo , arqueólogos descobriram, a 100 m de profundidade, vestígios de fios de cobre que datavam do ano 1000. Os paulistas concluíram que seus antepassados já dispunham de uma rede telefônica naquela época!

Os cariocas, para não ficarem para trás, escavaram também seu subsolo, encontrando restos de fibras ópticas a 200 m de profundidade. Após minuciosas análises, concluíram que elas tinham 2.000 anos de idade. Os cariocas concluíram, triunfantes, que seus antepassados já dispunham de uma rede digital a base de fibra óptica quando Jesus Nasceu!

Uma semana depois, em Belo Horizonte , foi publicado o seguinte anúncio: "Após escavações arqueológicas no subsolo de Contagem, Betim, Barbacena, Formiga, Juiz de Fora, Varginha, Poços de Caldas, Itajubá, Carmo do Paranaíba, Araxá, Lagoa Dourada , São João Del Rei, Uberlândia, Araguari, Uberaba, Santa Rita do Sapucaí, Santo Antônio do Monte, Divinópolis, Pará de Minas, Patos de Minas, Vazante, Ituiutaba, Lagoa Formosa, São Pedro do Suaçuí, São Vicente de Minas, Pitangui, Patos de Minas, Patrocínio, Viçosa, Ponte Nova, Timóteo, Inhapim, Ouro Preto, Florestal, Muzambinho e diversas outras cidades mineiras, até uma profundidade de 500 metros , os cientistas mineiros não encontraram absolutamente nada. Assim se conclui que os Mineiros já dispunham, há 5.000 anos, de uma rede de comunicações sem-fio: wireless!

É por isso se pronuncia 'uai' reless. .."

So special

Ouça essa música aqui: http://www.youtube.com/watch?v=nLQiFAq_SNM!

- Passamos por muita coisa né? - disse ele- desde o começo, tudo foi tudo tão difícil, o namoro escondido de seus pais, a diferença de idade, tudo peculiarmente nosso.
- Talvez por isso, não tenha acabado ainda - disse ela.
"Espero que não" - Pensou ele


"Se fosse fácil não seria especial" - Li no blog da amiga Camila. E me lembrei da música e do diálogo acima.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Super Tirinha

Via: http://talentosamaodireita.blogspot.com/

sábado, 18 de dezembro de 2010

Música do Dia


Sem Esse Coração

João Bosco e Vinícius

Composição: Breno / DeLuca

Eu queria, amar um pouco menos você
O meu coração, só apanha e vai parar de bater
Se eu pudesse, tirava esse meu coração
Pra deletar a saudade e o toque das suas mãos

E parava de sofrer!
E parava de sofrer!

E mesmo assim, sem esse coração
Eu acho que vou continuar te amando
E mesmo assim, sem esse coração
Eu acho que vou continuar chorando

E mesmo assim, sem esse coração
Eu acho que vou continuar te amando
E mesmo assim, sem esse coração
Eu acho que vou continuar chorando

Um tempo atrás

"vai ser eterno.. ainda temos mta coisa pela frente!!"

"pra sempre.."

"tee amoo muitaaaoo!!!

pra sempree!!"

"
repetindoo..

repetindoo..

repetiindoo e repetinddoo!!"


"nao tenha medoo desse amoor.. nao faz sentidoo"

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Still hurts


"Don't let yourself go
'Cause everybody cries
And everybody hurts, sometimes..."

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Bored


Quarta-feira sem futebol.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Registro

Só pra registar: Quanto mais eu leio, vejo, ouço, sinto, observo e principalmente convivo, mais eu vejo como estou longe de ser alguém digno de receber algo efetivamente bom da vida. Longe de ser um bom amigo, bom colega, bom profissional, bom amante...

Impressionante!

(des)focar


Preciso desfocar, tirar os olhos do único lugar que consigo olhar e tentar ver além.



Só não consigo.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Medo.

Eu não sou um cara medroso, não que eu seja a personificação da coragem, mas normalmente eu assumo alguns riscos ambiciosos, arrisco nas chances que alguém mais "seguro" não tentaria, tomo decisões que exigem uma dose de maluquice.

Porém, um sentimento ruim de medo tem tomado conta de mim. Um medo estranho de perder o que já não é mais meu faz tempo. Talvez seja medo da certeza que se instalou dentro de mim que não dá mais pra ser, que o tempo já passou, que só resta seguir o caminho.

Deve ser medo do caminho.

Afinal, quem quer caminhar sozinho? Eu não! Até já disse algo sobre caminhos desconhecidos aqui: http://vitorpalmeiras.blogspot.com/2010/03/aquela-inseguranca-que-impede-de.html

O jeito é lutar contra o medo e tentar acostumar com a idéia de que nada será como dantes, e que cedo ou tarde Ela encontraria outro alguém ou coisas do gênero. Fácil não é, mas é assim que as coisas são.

Mas que machuca e dá medo, dá sim.

domingo, 12 de dezembro de 2010

Não quer(o) parar





"Eu não estou disposto a esquecer seu rosto de vez, e acho que é tão normal


Dizem que sou louco por ter um gosto assim, gostar de quem não gosta de mim..."

E ainda "Pode até parecer fraqueza, que seja fraqueza então..."

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Tirinha


Achei muito engraçada! Sou fãzaço das tirinhas dos dois irmãos Otto e Heitor criados por Tiago Valadão. Recomendo muito uma visita ao site! Acessem: http://www.ottoeheitor.com/

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Música do Dia

Não Tem Cachaça Que Cura
Composição: Chico Amado / Zeca Moreira Amigo pede mais uma

Hoje vou beber até ficar beleza
Quero que chegue logo alegria
Vou mandar embora toda essa tristeza
Me diz amigo o que fazer
Pois não dá pra esquecer
Um grande amor assim
Eu bebo e brigo por você
Mas você não dá bola e só pisa em mim
Eu bebo e brigo por você
Mas você não dá bola e só pisa em mim
É hoje que eu bebo, que eu brigo
Enfrento o perigo, faço uma loucura
Porque quando é paixão pra valer
Meu amigo, não tem cachaça que cura

Versão 1
Versão 2

Achei engraçada!

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Fim de ano

Dizem que quando a fase é ruim o urubu de baixo caga na cabeça do urubu de cima. Até acho que já postei isso aqui um dia, mas é que o trem tá feio.

Dezembro de 2009, definitivamente não foi um mês legal. Teve sim, seus dias felizes, seus momentos únicos, mas como um todo, foi um prenúncio do 2010 terrível que viria na sequência.

Tá difícil segurar. Quarta-feira, 10 e 40 da manhã e eu aqui chorando... quanta saudade. Parece que lembrar das dificuldades do mês de dezembro de 2009, e como eu não soube contorná-las, e fazer contas pensando que se eu tivesse sido mais maduro, mais paciente, mais inteligente, TALVEZ, tudo teria sido diferente. Ou não. Sei lá.

A plaquinha do MSN sob, a foto dEla, aliás, linda foto dEla, em um dos dias mais felizes que tivemos.

Enfim, este é só um desabafo choroso. Não aguentei, tinha que escrever pra cessar as lágrimas. Enquanto isso vão me suportando, as lembranças agoras serão mais fortes, e a medida que o tempo se aproximará do final do ano ficará pior. Bem pior.

domingo, 5 de dezembro de 2010

233 dias









Sim. Duzentos e trinta e três dias sem Ela.













Uma pitadinha de humor não mata ninguém.

sábado, 4 de dezembro de 2010

This could be our song.

video

Brick By Brick

The dust has finally settled down
The sun is shining on these pieces that are scattered all around
This house was everything we knew
Its where we kept our love and
every single memory of me and you
Every letter, every note, every dress you never wore under your coat
Thrown away

Brick by brick
We can build it from the floor
If we hold onto each other,
We'll be better than before
And brick by brick,
We will get back to yesterday
When I made your body shiver and
When you took my breath away,
You took my breath away

The sky has made it back to blue,
everything that's left is telling us the worst of it is through.
Home has never felt so right, there's nothing in the way.
There's nothing in between us
knowing where we're going is inside.
Every letter that I wrote,
every dress you never wore under your coat
Thrown away

Brick by brick
We can build it from the floor
If we hold onto each other,
We'll be better than before
And brick by brick,
We will get back to yesterday
When I made your body shiver and
When you took my breath away,
You took my breath away

All the pictures that we've taken
and the songs that we have played
They have all kept track and
followed back the love that we have made.
Now they're spread out on the
surface where we can try to congregate
It's not too late to believe that we can get it all again

Brick by brick
We can build it from the floor
If we hold onto each other,
We'll be better than before
And brick by brick,
We will get back to yesterday
When I made your body shiver and
When you took my breath away,
You took my breath away

We'll get back to yesterday,
When I made your body shiver and
When you took my breath away,
You took my breath away.

Tijolo Por Tijolo

A poeira parece ter assentado
O sol está brilhando sobre estas peças que estão espalhadas por todo
Esta casa foi tudo o que sabíamos
É onde nós mantivemos nosso amor e
Cada única memória de mim e de você
Cada letra, cada nota, cada vestido que você nunca usou sob o seu casaco
Jogado fora

Tijolo por tijolo
Podemos construí-lo do chão
Se nos apegamos uns aos outros,
Nós vamos estar melhor do que antes
E tijolo por tijolo,
Vamos voltar ao passado
Quando eu fiz o seu corpo tremer e
Quando você tirou meu fôlego,
Você tirou meu fôlego

O céu fez-lo de volta ao azul,
Tudo o que resta é dizer-nos o pior de tudo é passar.
Home nunca me senti tão bem, não há nada no caminho.
Não há nada entre nós
Saber para onde estamos indo é para dentro.
Cada carta que eu escrevi,
Cada vestido que você nunca usou sob o seu casaco
Jogado fora

Tijolo por tijolo
Podemos construí-lo do chão
Se nos apegamos uns aos outros,
Nós vamos estar melhor do que antes
E tijolo por tijolo,
Vamos voltar ao passado
Quando eu fiz o seu corpo tremer e
Quando você tirou meu fôlego,
Você tirou meu fôlego

Todas as fotos que tiramos
E as canções que temos jogado
Eles têm todos acompanharam e
Seguido de volta o amor que temos feito.
Agora eles estão espalhados pelo
Superfície onde podemos tentar reunir
Não é tarde demais para acreditar que podemos começar tudo de novo

Tijolo por tijolo
Podemos construí-lo do chão
Se nos apegamos uns aos outros,
Nós vamos estar melhor do que antes
E tijolo por tijolo,
Vamos voltar ao passado
Quando eu fiz o seu corpo tremer e
Quando você tirou meu fôlego,
Você tirou meu fôlego

Nós vamos voltar para ontem,
Quando eu fiz o seu corpo tremer e
Quando você tirou meu fôlego,
Você tirou meu fôlego.


Bem que essa poderia ser "nossa" musica.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Garimpando


As vezes me sinto um sonhador garampeiro em uma velha mina que já foi muito explorada e já deu bastante ouro.

As vezes me sinto ridículo tentando encontrar amor aonde já não há mais onde receber.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Meu amigo de olhar sonhador.



Eu olhava esse menino, com um prazer de companhia,
como nunca por ninguém eu não tinha sentido.
Achava que ele era muito diferente...

Fui recebendo em mim um desejo que ele não fosse mais embora,
mas ficasse, sobre as horas, e assim como estava sendo...
só meu companheiro amigo desconhecido....

Acho que nós dois éramos mesmos pertencentes...

Entendi aquele valor
Amizade nossa ele não queria acontecida simples , no comum...

A amizade dele ele me dava
E a amizade dada é amor.


[Guimarães Rosa - Grande Sertão Veredas]

eu sou a Vendedora de sonhos e você meu fiel apanhador
nesse coração que mistura amores, tudo cabe.