terça-feira, 6 de abril de 2010

No bar

Estávamos no bar, eu e um grande amigo, quando os conhecidos dele chegaram por lá. Por sinal, uma delas foi nossa colega de sala na faculdade.

Ela é daquelas pessoas expansivas, auto-confiantes, polêmicas, e faladeiras se é que vocês me entendem, exatamente o tipo de pessoa que eu não gosto muito de conversar, porque sempre acho que esse tipo de pessoa quer impor suas visões, e raramente mudam de opinião, mesmo quando percebem ser necessária a mudança.

Em certo momento eu disse: "-O jeito é ir!!!"
Ela soltou "Mas tá cedo...".
"Não, não, tenho que ir. Daqui a pouco Ela estará em casa, e eu quero estar no MSN pra conversarmos"
A tal garota, disse "Vítor - com um olhar de reprovação - você está errado! Se você não mudar você vai ficar sozinho pra sempre. Mulher não gosta disso..." E então iniciou um discurso que, renderia um post quilométrico aqui no blog.
Ela falava como se me conhecesse bem e como se conhecesse Ela ainda melhor, como se fossem amigas íntimas, até na família dela, a tal moça quis palpitar.
E continuou "Sabe Vítor, eu sou especialista em namoros, namorei cinco anos com ciclano, dois anos com beltrano, x anos com tício, e estou a quatro meses com mévio, se você quer manter seu namoro faça o que estou te falando".
Como já era minha hora, paguei a minha conta e de meu amigo (perdi uma aposta recente pra ele), e quando me despedia de todos a moça finalizou: "Olha Vítor, desculpa falar isso, não tenho tanta liberdade com você..."
Eu educadamente falei "Não tem mesmo não, mas te ouvi. Bjos e até a próxima".

Entrei no carro e fui pra casa pensando em tudo que ouvi da "especialista em namoros" que não conseguiu manter nenhum, segundo ela mesmo disse...

2 pensamentos:

*May Lopes disse...

Não,não!
ELAS gostam disso.
Mulher gosta de ser honrada e amada!
Faça isso e num da muita atenção a essas pessoas loucas!
Saudades!

Carol Leite disse...

Vitor, pena essa sua amiga ser mo chatona neh? Mas, olha. O sabio eh aquele que aprende com as experiencias vividas, ainda que sejam experiencias alheias. Nada a ver a ironia de que ela nao conseguiu sustentar nenhum namoro e por isso nao pode falar sobre como sustentar um.

Postar um comentário