quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Flashback

Acho que fui eu que escrevi isso aqui, ao que parece em meados de 2003. Me parece bem atual:


Solidão


A vida tinha sentido de novo

tudo era só alegria

cada minuto com você

era um momento eterno

Você apareceu na minha vida

e eu pensava que era pra nunca mais sair

mas então você me deixou

abandonado novamente

A fé tornou-se descrença

A felicidade tornou-se tristeza

A força tornou-se fraqueza

E o pior é que você não se tornou em vazio

Você entrou no meu coração

e agora não vai sair

Agora volto a não ter

o que tocar

ouvir

e sentir

mas ainda tenho você no meu coração

causando dor... muita dor

Realmente estava vivendo um sonho

que não queria que acabasse mas acabou

agora estou acordado

de volta à vida dura, amarga

e sem você!

à vida que eu não sei viver.

5 pensamentos:

Isabela Pimentel disse...

Vitorrr, que poema mais lindo!

Bjinhos

=)

Giardia disse...

Oi!!


Boa noite!



Lindo!!

Vanessa Souza Moraes disse...

Aprende-se.

*May Lopes disse...

Pior não é estar só.Pior é estar só mesmo com tantas pessoas a sua volta sabe?
Belíssimo poema!
bjO

breno disse...

Nossa, Vitor....tocante!Simplório e profundo.Apareci de novo.Um abraço.

Postar um comentário